745 Visualizações |  Gosto

Um remake da cadeira Gispen

O artista e designer holandês Sander Wassink apresentou recentemente “Contrabande”, uma exposição exibida no Museu Bojimans van Beuningen em Roterdão.

Esta é uma série criativa, que mostra o trabalho do artista, conhecido pela desconstrução das peças, trabalhando em torno das noções de história, memória e preservação. “Contrabande” é uma exposição que explora a forma, a história e o processo da cadeira holandesa – com o mesmo nome – do designer W. H Gispen.

O artista viajou até Marrocos para produzir um remake da cadeira original Gispen, usando as mesmas técnicas de criação e a inspiração deste país exótico. O resultado é bastante colorido e inclui entrelaçamentos com materiais originais do local, criados com a ajuda de artesãos de Marrocos.

Com esta criação, Sander Wassink afirma que vivemos numa época em que os produtos que utilizamos ou consumimos online vêm de qualquer parte do mundo, e por vezes não sabemos como foram criados. Esta foi uma forma de pegar numa cadeira conhecida mundialmente e ir ao seu local de criação e perceber como é feita, quanto tempo demora e a atenção dedicada a esta peça.

A exposição pode ser vista até dia 26 de fevereiro.


sander-wassink-contrabande-gispen-chair-museum-boijmans-rotterdam-designboom-001
sander-wassink-contrabande-gispen-chair-museum-boijmans-rotterdam-designboom-002

sander-wassink-contrabande-gispen-chair-museum-boijmans-rotterdam-designboom-005

sander-wassink-contrabande-gispen-chair-museum-boijmans-rotterdam-designboom-006

sander-wassink-contrabande-gispen-chair-museum-boijmans-rotterdam-designboom-007

sander-wassink-contrabande-gispen-chair-museum-boijmans-rotterdam-designboom-008


Texto: Ana Suzel
Fotografia: Direitos Reservados