386 Visualizações |  Gosto

Curtas Vila do Conde celebra bodas de prata

O Curtas Vila do Conde – Festival Internacional de Cinema vai regressar entre os dias 8 e 16 de julho para a sua 25ª edição.

Em competição nacional, vão estar os últimos trabalhos de cineastas como João Salaviza, Gabriel Abrantes, Salomé Lamas, Carlos Conceição e João Pedro Rodrigues. A seleção inclui 16 filmes, entre os quais se encontram Água Mole, de Laura Gonçalves e Xá; Altas Cidades de Ossadas, de João Salaviza; Cedrim, de Diogo Vale; Coelho Mau, de Carlos Conceição; Coup de Grâce, de Salomé Lamas; Das Gavetas Nascem Sons, de Vítor Hugo; Farpões Baldios, de Marta Mateus; Longe da Amazónia, de Francisco Carvalho; O Homem Eterno, de Luís Costa; Os Humores Artificiais, de Gabriel Abrantes; Où En Êtes-Vous João Pedro Rodrigues?, de João Pedro Rodrigues; Soltar, de Jenna Hasse; A Sonolenta, de Marta Monteiro; Surpresa, de Paulo Patrício; Thursday Night, de Gonçalo Almeida; e Verão Saturno de Mónica Lima.

Já em competição internacional vão estar as mais recentes obras de realizadores como Jia Zhangke, Ben Rivers, Yann Gonzalez, Hu Wei, Laura Poitras ou a dupla Caroline Poggi e Jonathan Vinel, e de novos talentos emergentes como Laura Ferrés, Jonathas de Andrade ou Toru Takano.

O festival terá ainda Competição Experimental, uma Competição de Vídeos Musicais, com trabalhos de artistas e bandas portuguesas, a competição Take One!, que pretende dar a conhecer “talentos saídos de escolas de cinema” e a Competição Curtinhas (uma secção dedicada às crianças), que arranca no primeiro dia de festival com a exibição de Gru – O Mal Disposto 3. O júri desta competição será composto por crianças.

A 25ª edição do Curtas Vila do Conde arranca no Auditório Municipal de Vila do Conde com a antestreia nacional da mais recente obra do finlandês Aki Kaurismäki, O Outro Lado da Esperança, “que acompanha as desventuras de um jogador de póquer finlandês com refugiado”, refere o comunicado de imprensa do festival. Esta exibição está integrada na secção “Da Curta À Longa”, que acompanha o percurso de cineastas que passaram pelo festival e que apresentará outros três filmes: Certain Women, de Kelly Reichardt, Mariphasa, de Sandro Aguilar e 24 Frames, de Abbas Kiarostami.

Consulte a programação completa aqui.

Texto: Magnética Magazine
Fotografia: Direitos Reservados