734 Visualizações |  Gosto

A ciência transportada para fora do edifício

O projeto era desafiante: criar uma imagem única e renovada onde antes se encontrava um maciço edifício cinzento, saíndo da monotonia deste espaço do IBS – Instituto para a Ciência e Inovação da Bio-Sustentabilidade na Universidade do Minho e cativar todos os que passem por ali.

O projeto ficou a cargo do arquiteto Cláudio Vilarinho, que para criar uma fachada envolvente olhou para a ciência e tecnologia que é estudada dentro do edifício, tendo como inspiração uma imagem microscópica de nanotubos de titânio.
A fachada do edifício é, portanto, um reflexo desta inspiração e foi criado usando uma mistura de concreto reforçada com microfibras. Foram utilizados painéis pré-fabricados para criar o design e incluída pigmentação e alterar a cor do edifício, que adota agora uma cor menos monótona, mais jovem e atual.

 

sculptural-facade_271016_02 sculptural-facade_271016_03 sculptural-facade_271016_04

Texto: Ana Suzel
Fotografia: João Morgado